Menu

Associados

Irã busca US$50 bi em investimentos em mineração em cinco anos, diz vice-ministro

Imagem retirada de https://www.estudopratico.com.br/wp-content/uploads/2017/03/significado-da-bandeira-do-ira-1.jpg Imagem retirada de https://www.estudopratico.com.br/wp-content/uploads/2017/03/significado-da-bandeira-do-ira-1.jpg

O Irã está em busca de 50 bilhões de dólares em investimentos para suas indústrias de mineração até 2022 e assinou acordos com diversos bancos da Europa e da Ásia nos últimos meses, disse o vice-ministro de mineração do país nesta quarta-feira.

"Estamos precisando de 50 bilhões de dólares para investimentos em mineração e indústrias mineradoras do Irã", afirmou Mehdi Karbasian à Reuters no intervalo de uma conferência do setor em Melbourne.

"Nos últimos dois meses chegamos a acordos com Coreia do Sul, Áustria, Dinamarca e estamos a caminho de fechar com outros países, como a Alemanha", disse Karbasian, sem identificar os investidores.

Ele comentou que o plano é atrair capital para os próximos cinco anos, mas não revelou o montante de recursos já levantado pelo país.

Karbasian afirmou que o país também está procurando parcerias com mineradoras e fabricantes estrangeiros, sem citar nomes.

"Estamos tentando o nosso melhor para encontrar os investidores certos... Minas e fábricas são algumas das oportunidades para as empresas estrangeiras investirem."

Como parte dos planos de expansão para a indústria, o Irã planeja aumentar sua produção de alumínio para 1,5 milhão de toneladas anualmente em 2025, de cerca de 450 mil toneladas no ano passado. Para isso, o país precisa assegurar mais recursos de bauxita do exterior.

"Estamos conversando com algumas companhias brasileiras e australianas e com outras companhias guineenses e dominicanas também", disse Karbasian.

fonte: Jornal Extra, com informações da Reuters (escrita por Melaine Burton)

Newsletter

Cadastre-se em nosso informativo e mantenha-se atualizado.

Associados