Menu

Associados

Cobre fecha em baixa em Londres e NY com turbulência em Wall Street

Imagem retirada de: https://abisolo.com.br/wp-content/uploads/2018/04/cavaco-cobre-low-res-500.jpg Imagem retirada de: https://abisolo.com.br/wp-content/uploads/2018/04/cavaco-cobre-low-res-500.jpg

Os contratos futuros de cobre fecharam em baixa em Londres e Nova York nesta segunda-feira, num dia de liquidez reduzida antes do feriado de Natal, influenciados por mais um pregão turbulento das bolsas americanas.

Os principais índices acionários de Wall Street sofreram hoje robustas perdas, que variaram de 2,2% a 2,9%, em meio à paralisação parcial do governo dos EUA, que começou no fim de semana, preocupações geradas por um encontro do Secretário do Tesouro americano, Steven Mnuchin, com executivos-chefes de grandes bancos americanos, e novas críticas do presidente dos EUA, Donald Trump, ao Federal Reserve, ou Fed, como é conhecido o banco central do país.

Na London Metal Exchange (LME), a tonelada do cobre para entrega em três meses encerrou o dia em queda de 0,59%, a US$ 5.955,50.

Já na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), o cobre para entrega em março caiu 0,49%, a US$ 2,6610 por libra-peso.

Entre outros metais básicos negociados na LME, não houve tendência única: a tonelada do alumínio para entrega em três meses recuou 0,84%, a US$ 1.893,00, e a do zinco cedeu 0,16%, a US$ 2.485,00, mas a do níquel subiu 0,14%, a 10,890,00, a do estanho avançou 0,13%, a US$ 19.375,00, e a do chumbo teve ganho ainda mais expressivo, de 1,02%, a US$ 1.985,00. Com informações da Dow Jones Newswires.

 

Fonte: Isto É

Newsletter

Cadastre-se em nosso informativo e mantenha-se atualizado.

Associados